Edifício comercial, São Paulo

6 01 2013

predio-conteineres-5

Com lojas no térreo e conjuntos comerciais nos pisos altos, este edifício se insere na nova face da verticalização da Vila Madalena, bairro da zona oeste paulistana. A novidade não são os prédios de muitos andares, que ali existem há mais de 20 anos e são, na maioria, residenciais. O diferencial é o caráter da arquitetura, que, de certa forma, acompanha a predio-conteineres-2tendência específica de comércio e serviços locais. Desenhada pelo escritório que tem como titulares Vinícius Andrade (FAU/USP, 1992) e Marcelo Morettin (FAU/USP, 1990), a edificação foi encomendada pela Idea!Zarvos.

A gleba escolhida fica no coração do bairro e, como é comum nos empreendimentos locais, surgiu da junção de lotes. Sua geometria final revela conformação incomum, em forma de T e voltada para duas ruas. “Por incrível que pareça, a legislação municipal impede que se abra o prédio para as duas vias”, conta Morettin. Os autores adotaram a frente mais estreita para a entrada do edifício, o que resultou em dois pavimentos térreos, interligados por vazios. O primeiro, mais alto (quase na cota da rua Wisard), é uma espécie de pilotis elevados e abrigará hall de acesso, sala de reuniões coletivas e academia. Parte do piso possui pé-direito duplo, o que dará ao espaço certa monumentalidade.predio-conteineres-3 O segundo térreo, mais baixo e próximo ao nível da rua Fidalga (sem acesso), é composto por cinco lojas. “A ideia é que sejam ocupadas por restaurantes e estabelecimentos comerciais”, conta Andrade.

Abaixo desses pisos ficam três níveis de garagem e acima, quatro lajes (mais a de cobertura) com intervalo de pé-direito duplo entre si, destinadas a 18 conjuntos comerciais de tamanhos e formatos diferentes. Assim como nas propostas residenciais da incorporadora, nem os sanitários seguirão um padrão de localização e um pequeno vazio interligará a circulação comum dos diversos andares. “Como nos outros edifícios que eles estão fazendo, a estrutura não traz grandes vãos nem malabarismos”, diz Andrade.predio-conteineres-1

Por fora, as lajes serão demarcadas como elemento vertical do edifício. No espaço destinado aos conjuntos se alternarão planos transparentes (grandes caixilhos com vidro) e opacos (fechamentos com telhas metálicas), conforme a insolação: a face sul, voltada para o acesso, será mais envidraçada, enquanto a fachada norte da lâmina terá caráter mais hermético. Os fechamentos metálicos, coloridos a partir de estudo realizado por João Nitsche, apresentarão as inscrições dos números dos conjuntos. Dessa forma, assemelham-se a contêineres empilhados.predio-conteineres-6

Texto de Fernando Serapião

 

Equipe CT Projetistas.

logo ct 2


Ações

Information

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Arquitetura do Imóvel

O melhor canal para conectar você a seus projetos

Blog Cia de Arquitetura

mais vida nos seus projetos

*ponto.arquitetura*

O melhor canal para conectar você a seus projetos

MAQ-3D

Imaginar é o princípio da criação. Nós imaginamos o que desejamos, queremos o que imaginamos e, finalmente, criamos aquilo que queremos

Blog da Engenharia | O primeiro blog de engenharia

O melhor canal para conectar você a seus projetos

Tecnologia e Desenvolvimento Sustentável

O melhor canal para conectar você a seus projetos

Engenharia Civil

Tudo Sobre Engenharia Civil

Construa !

Informações que você precisa sobre construção e mercado imobiliário.

%d blogueiros gostam disto: